fbpx

Você já pensou na possibilidade de trabalhar com Photoshop? Sim, isso mesmo que você leu: com o famoso programa de edição da Adobe. Afinal de contas, mesmo sendo acessado diariamente por várias pessoas, elas acabam se prendendo a apenas uma forma de usá-lo: o tratamento das imagens que vão postar no feed das redes sociais!

A questão é que esse programa tem mil e uma utilidades (sim, já nasceu #aclamado!) e, se você sabe explorá-lo corretamente, ele pode garantir uma boa grana para você ajudar em casa e, de quebra, se mimar um pouco — porque ninguém é de ferro, não é mesmo?! 💵💵

Por essa razão, acompanhe nosso post e veja algumas das principais maneiras de trabalhar com Photoshop e fazer o seu nome no mercado!

Manipulação e edição de fotos

Sobre a primeira delas nós já demos uma deixa logo na introdução: trata-se justamente da manipulação e edição de fotos. Isso porque aquelas imagens que você vê nas revistas, nos jornais, nos editoriais de moda, nos anúncios e afins não são publicadas da forma que foram tiradas.

Os arquivos originais sequer chegam a ver a luz do dia, viu? Na verdade, antes de serem mostradas ao público, elas passam por um longo processo de edição.

O objetivo é corrigir problemas na iluminação, remover pessoas e objetos da cena, alterar o fundo utilizado, mudar detalhes da roupa e muito mais. Isso, é claro, quando a finalidade não é somente estética para deixar os modelos com um visual #zerodefeitos.

Enfim, as possibilidades são infinitas e variam de acordo com as exigências do local ou dos clientes, já que essa atividade está presente em editoras, gráficas, agências de publicidade, agências de modelo, portais de notícias, estúdios de TV, estúdios de fotografia etc.

Aliás, por falar em fotografia, se você é bom com uma câmera em mãos, pode unir o seu hobby ao uso do Photoshop e prestar serviço freelancer como fotógrafo e editor de imagens.

Dessa forma, dá para ter um crescimento profissional ainda maior, conseguindo trabalhos mais diversos e também faturar mais dinheiro. Que tal a ideia? 📸

Restauração de imagens

Uma segunda possibilidade relacionada à edição de imagens é a restauração de fotografias antigas que, inclusive, já figura entre as profissões promissoras do futuro. Como o próprio nome diz, você restaura fotos tiradas há anos, décadas ou até mesmo séculos atrás.

Esse é aquele tipo de trabalho voltado para os detalhes, pois muitas vezes é preciso melhorar a nitidez de imagens desgastadas, ampliar a qualidade de resolução delas, recuperar ou refazer partes que estão faltando ou foram danificadas e colorir imagens em preto e branco — que ainda era a única opção até 1861.

Ou seja, você praticamente incorpora o Sherlock Holmes para não deixar passar nada batido e fazer uma restauração impecável em cada foto! 🔍👀

Esse tipo de trabalho tem um peso muito importante porque ele é utilizado com frequência por museus, galerias de arte, pinacotecas e afins que geralmente têm um grande acervo de imagens que querem disponibilizar na internet para a população.

Há ainda os profissionais da área da história que fazem pesquisas e estudam épocas passadas. Logo, eles contratam restauradores para ajudá-los a ter o material necessário para lançar livros, coletâneas e outros produtos do tipo. Cá entre nós: é uma atividade bem desafiadora e interessante, né? 🥰

Design gráfico

Outra maneira de trabalhar com Photoshop é atuando com design gráfico, pois nessa profissão o programa é utilizado constantemente — e não é exagero dizer isso.

Prova disso é que o designer precisa dele para produzir uma variedade enorme de materiais, como panfletos, cartazes, outdoors, banners, folhetos, cartões de visita, embalagens. Ufa, é coisa que não acaba mais!

Afinal, é por meio do Photoshop que ele cria, manipula e edita as artes que serão utilizadas nesses produtos e que devem não só divulgar as marcas das companhias, mas também atrair a atenção do público e até, quem sabe, ganhar prêmios importantes.

Se você parar para refletir sobre as coisas ao seu redor — momento #nazaréfazendocontas —, praticamente tudo o que compramos e usamos no dia a dia tem o dedo de um designer.

O interessante dessa área é que, ao escolhê-la, você pode trabalhar tanto em agências de publicidade quanto dentro de diversas companhias. Outra possibilidade é ser freelancer e fazer apenas projetos específicos para os clientes, o que lhe da mais liberdade na rotina e lhe permite montar o próprio horário de trabalho.

Criação de campanhas para as redes sociais

Por fim, há a criação de campanha para as redes sociais que diversas empresas fazem no dia a dia e servem para atualizar os perfis delas, atrair seguidores, vender produtos e/ou serviços, divulgar lançamentos da marca, promover eventos com os famosos etc.

Quem trabalha nessa área realiza atividades muito parecidas com a do designer gráfico. Não é para menos que eles são chamados de designers web ou designers digitais. A diferença é que as peças criadas por eles ficam só no virtual, não são impressas como acontece com quem escolhe o primeiro ramo.

Além disso, é importante entender bem (muito bem) sobre as diferenças e características do Facebook, Instagram, YouTube, Twitter, LinkedIn e demais redes, já que as artes costumam ser personalizadas para cada tipo de plataforma.

Por isso, é interessante fazer cursos profissionalizantes sobre elas e também sobre ferramentas que podem ajudar o seu trabalhar a ficar com um nível cada vez mais profissional e diversificado, como aqueles voltados para o Dreamweaver e o Fireworks (que também é da Adobe) — ambos são programas para criar e editar sites, aplicativos e afins.

Viu só como não faltam oportunidades para trabalhar com Photoshop nos ramos de fotografia, design, comunicação, eventos, audiovisual etc? É tanta opção que versatilidade deveria ser o segundo nome desse software, não é mesmo? Por isso, não deixe de fazer o curso de Photoshop da JUMPER! Profissões e Idiomas para manjar todos os “paranauês” do programa e aumentar suas chances profissionais dentro do mercado de trabalho!

Entre em contato agora mesmo com a gente e saiba mais detalhes do curso!

Tags:

Encontre a JUMPER! mais próxima

Ver unidades