fbpx

Para atuar nessa área, vai precisar de atenção, paciência e muita dedicação!

Imagina sentir aquela liberdade para ir de um lado ao outro da cidade quando quiser e ainda gastando muito pouco. Sim, isso é possível graças às motocicletas! Esse meio de transporte encanta tanto as pessoas que o número de motos no Brasil só tem aumentado. Com isso, há mais oportunidades para a área de mecânica de motos, já pensou nisso? 

De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), mais ou menos 3 milhões de motocicletas são emplacadas todos os anos no país, totalizando uma frota superior a 30 milhões nas ruas. 

Esses dados mostram que o mercado de trabalho está bombando para quem gosta de motos e deseja trabalhar com mecânica de motos. Afinal, com esse tanto de motocicletas, também precisamos de profissionais qualificados para atuar na manutenção desses veículos, não é mesmo?!

Pensando nisso, decidimos reunir, neste post, tudo que você precisa saber sobre a profissão de mecânico de motos. Você vai esclarecer qualquer dúvida que tenha sobre essa área. Ficou interessado no assunto? Então, embarque nessa leitura com a gente! 

O que faz um mecânico de motos?

O mecânico de motos, como o próprio nome já diz, é o responsável por cuidar da manutenção de motocicletas. Isso significa que ele repara, desmonta, substitui, lubrifica e ajusta as peças e o motor do veículo, garantindo o bom funcionamento da motoca.

Mas… o que faz, exatamente, esse profissional? Veja:

  • cuida da manutenção de órgãos de transmissão, direção, freios, suspensão e equipamento auxiliar;
  • identifica toda e qualquer reparação que deve ser feita;
  • realiza o desmonte e a limpeza do motor e dos órgãos de transmissão seguindo técnicas e ferramentas apropriadas para eliminar as impurezas;
  • prepara peças para inspeção e reparação;
  • substitui, repara e regula o sistema de freios, de ignição, de alimentação de combustível, de lubrificação, de direção, de transmissão e o de suspensão.

O que se estuda no curso de mecânica?

O curso de mecânica qualifica o profissional para executar diversas atividades de manutenção corretiva e preventiva, seguindo sempre as determinações técnicas e as normas de qualidade, saúde, segurança e meio ambiente do fabricante.

No curso profissionalizante, o aluno tem aulas práticas e aprende diversos conteúdos voltados para a rotina na profissão. Acompanhe:

  • classificação por cilindradas;
  • sistema fundamental da motocicleta;
  • sistema elétrico;
  • ferramentas e instrumentos de medição;
  • terminologia do motor;
  • lubrificação e funções do óleo;
  • motores;
  • sistema de explosão de gases;
  • rotação de válvulas;
  • calibre de lâminas;
  • acelerador;
  • embreagem para motos;
  • transmissores;
  • relações de engrenagem;
  • suspensão e freios;
  • sistema de iluminação;
  • dínamo de partida;
  • carburador;
  • procedimentos de regulagem;
  • sistema de arranque e buzina;
  • como abrir uma oficina padrão.

Diz aí: com uma grade curricular dessa, o profissional fica fera ou não fica? Apostamos que sim, hein!

Ah, é interessante lembrar que, aqui, na JUMPER! Cursos, o estudante tem uma formação mais completa. Isso porque, além de acessar todo o conhecimento listado, o estudante também tem a oportunidade de aprender como abrir uma oficina padrão, o que permitirá que o mesmo lucre ainda mais com a profissão e, claro, seja seu próprio chefe. #bigboss

Quais os pré-requisitos para fazer um curso profissionalizante de mecânica de motos?

Não existem muitos pré-requisitos para realizar esse curso profissionalizante. Para se matricular, basta que o estudante seja maior de 16 anos e tenha concluído o ensino fundamental.

Portanto, se você ainda está na escola, não se preocupe! O curso, diferentemente do que você possa imaginar, é perfeito para jovens que, assim como você, ainda estão estudando — mas querem sair do ensino médio com uma profissão — e para quem deseja trocar de carreira, mas não tem muito tempo para cursar uma faculdade no momento.

Em que locais o mecânico de motos pode trabalhar?

A área de atuação do mecânico de motos é enorme. Veja os campos de trabalho possíveis para esse profissional:

  • oficinas autorizadas pelas montadoras e multimarcas;
  • empresas com frotas de motocicleta;
  • transportadoras;
  • empresas de prestação de serviços;
  • empresas de inspeção técnica;
  • organizações que trabalham com motoboys.

É importante destacar que, como comentamos, além de trabalhar nesses locais, o profissional também estará apto a abrir a própria oficina. Para isso, o trabalhador deve se capacitar e iniciar sua carreira como autônomo, ou seja, fazendo bicos para conhecidos nos horários de folga.

Dessa forma, eles poderá formar uma clientela e, claro, juntar o dinheiro necessário para comprar peças e equipamentos e abrir as portas do seu negócio.

Qual a importância da mecânica de motos para a sociedade?

Segundo reportagem da revista EXAME de julho de 2018, o Brasil conta com uma frota de aproximadamente 26,4 milhões de unidades de motocicletas. Isso quer dizer, mais ou menos, uma para cada 7,86 habitantes. E como falamos lá na introdução, em média, 3 milhões de motocas são emplacadas por ano em nosso país. 

Portanto, alguém precisa tomar conta dessas motos todas, concorda? Imagina se todo motociclista tivesse também que saber como fazer a mecânica em sua moto! Ainda bem que eles podem contar com profissionais que se capacitam de verdade, não é mesmo? 

Uma pessoa que trabalha realizando entregas, por exemplo, precisa de agilidade para resolver qualquer problema em seu veículo de transporte e trabalho. Por isso, é bom que ele tenha seu mecânico de confiança para cuidar da “motoca”. 

Esse mercado ajuda muito a girar a economia. A mecânica de motos precisa de bons fornecedores de peças automotivas e suprimentos, estagiários e funcionários com vontade de aprender e trabalhar e clientes satisfeitos com o serviço prestado. 

Quais as competências que um mecânico de motos precisa ter?

É um serviço delicado, não se engane, viu? Vai precisar de muita paciência, dificilmente vai encontrar um problema que seja resolvido apenas na base da força. Na maioria da vezes, é questão de saber utilizar as ferramentas adequadas. Além disso, é necessário ter outras competências para se destacar, confira!

Ser proativo

Os serviços em uma mecânica de motos não se resume apenas à manutenção dos automóveis, já pensou nisso? Tem que atender os clientes, fazer orçamentos, pesquisar e comprar peças, limpar o espaço e as ferramentas… Ser proativo, nesse caso, faz toda a diferença!

São tarefas que precisam ser feitas o quanto antes, não dá pra ficar adiando, entende? Quanto mais rápido o orçamento ficar pronto, menos tempo o cliente perde. Quanto mais suja e bagunçada estiver a oficina, mais tempo vai gastar para achar as ferramentas parafusos e é provável que comece a ter problemas para se mover no espaço. 

Ser comunicativo

Adianta ser bom mecânico e não saber tirar uma dúvida de um cliente? Hoje em dia, o profissional deve ser completo. Ter uma boa comunicação é essencial para atender bem, seja ao telefone ou ao vivo mesmo. 

Ter conhecimento técnico não é o suficiente para garantir que o cliente vai fechar negócio, já pensou nisso? Se na hora de explicar o que está acontecendo com a moto você não “fala a língua” de quem não entende de mecânica, é possível que a pessoa fique ainda mais confusa. 

Manter contato com os clientes

É claro que a mecânica de motos não pode ficar esperando que os clientes encontrem o cartão de visitas da oficina ou se lembrem do endereço, né? Com a tecnologia a seu favor, qual o custo de mandar uma mensagem no zap?

Se a loja tiver anotado as datas de revisão dos veículos dos clientes, já dá para saber uma média de quando ligar e dar a dica para fazer a próxima. E lembrando que sempre tem algo para ser feito na motoca. Pode ser um freio ruim, lâmpadas sem funcionamento, escapamento barulhento, troca de óleo… 

Ter empatia com todos os públicos da mecânica de motos

Seja funcionário, chefe, estagiário, entregador ou cliente. Ninguém aguenta gente mal educada, concorda? Se colocar no lugar do outro é um excelente exercício para garantir que vai tratar das pessoas como gostaria que tratassem você. 

Qual é a remuneração média do mecânico de motocicletas?

Os mecânicos podem trabalhar por salários fixos ou variáveis — fixos mais comissões. Tudo vai depender de como foi feito o acordo com o empregador na hora da contratação.

A remuneração varia bastante: os profissionais podem receber de R$ 1.500 a R$ 4.000. Isso acontece porque o salário também depende do tamanho da oficina e do volume de trabalho que o trabalhador tem.

Vale destacar que os mecânicos que resolvem empreender, ou seja, montar sua própria oficina, podem ter ganhos superiores a R$ 10 mil após se fixarem no mercado. #partiuempreender

Como é o mercado de trabalho para o mecânico?

No Brasil existem milhares de oficinas sofrendo com a falta de mão de obra qualificada. Uma prova disso é a necessidade que o país tem de capacitar 1,7 milhão de profissionais na indústria metalmecânica até 2020 para abastecer o mercado e atender essa alta demanda. Logo, ofertas de emprego não vão faltar para quem se profissionalizar na área. #desempregonuncamais

Conforme apontado, existem diversas ofertas de emprego e várias opções de trabalho para quem ama motocicletas e deseja se capacitar para atuar na área. Portanto, se você quer investir na carreira, se joga! A hora de fazer seu nome no ramo é agora!

Ahhh, já íamos esquecendo… Você sabia que, em algumas filiais da JUMPER! Cursos, a gente tem um curso profissionalizante de mecânica de motos voltado só para as mulheres? É isso mesmo! 

Aqui, as garotas podem aprender tudinho sobre mecânica e, de quebra, escolher se querem ter aulas em uma turma mista ou só para mulheres. Elas decidem! Não deixe de conferir! #girlpower

E aí, curtiu conhecer um pouco mais sobre mecânica de motos? Se animou para investir nessa carreira e quer saber ainda mais sobre o assunto? Então, se liga e busque se certificar para ter um diferencial na hora de concorrer a alguma vaga na área! 

Assine a nossa newsletter para ficar por dentro de mais assuntos top como esse, beleza? Até a próxima!

Tags:

Encontre a JUMPER! mais próxima

Ver unidades