Notícias

site

Hand Spinner – Motivo de Stress nas Escolas

Um novo brinquedo viralizou na mão da criançada. O hand spinner ou fidget spinner já rodou o mundo, produzido em sua maioria na China o equipamento já virou febre nos Estados Unidos, Europa e agora chega ao Brasil, você já viu alguma criança com algum? Você sabe o que é um hand spinner e pra que ele serve?

O que é hand spinner?

Hand Spinner significa “girador de mão”, sendo mão: hand e spinner: girador. O brinquedo feito de plástico ou de metal possuí, em sua maioria, três pontas circulares que giram ao serem impulsionadas com a mão. O brinquedo gira em torno de 2 a 4 minutos na mão enquanto equilibrado. O propósito é equilibrar na mão, mas a galera já anda inventando outras formas inusitadas de fazê-lo, como na testa, na ponta do pé e muito mais.

Quando foi criado? E Por qual motivo?

Muitos dizem que o hand spineer foi criado para melhorar a concentração e o foco em crianças com déficit de atenção ou autismo, mas o equipamento foi verdadeiramente desenvolvido por uma mulher de 62 anos, Catherine Hettinger, que o criou com a única finalidade de conseguir interagir com sua filha que sofria de miastenia( doença decorrente de um distúrbio muscular que provoca fadiga), o brinquedo era uma das poucas formas que a mãe conseguia brincar com sua filha Sarah.

Infelizmente no ano de 2005 Catherine perdeu a patente do produto e hoje não tem mais direito aos lucros dos novos spinners, o que não abalou a criadora que diz se emocionada por ter visto sua criação virar um sucesso, relata o jornal diário britânico, The Guardian.

Para que serve o fidget spinner?

Hoje já popularizado, o brinquedo tem como objetivo auxiliar na redução do stress e da ansiedade e ainda favorece a coordenação motora, o foco e até o equilíbrio, pois estimula estas habilidades nas crianças. Além disso, o spinner é ótimo para relaxar, e ainda ajuda você a ficar longe de alguns vícios chatos, como roer unhas, mexer demais no celular e demais. No entanto, pesquisadores alegam não ter provas de que o brinquedo possa realmente ter tais benefícios. Àlvaro Bilbao, neuropsicólogo e autor do livro El Cérebro del Niño Explicado a los Padres diz: “Conseguir fazer com que uma criança com déficit de atenção se concentre em algo que se move é simples, mas não produtivo porque não tem repercussão no longo prazo. O spinner não regula o sistema atencional, que é o que realmente se precisa trabalhar nesses casos”.

O que dizem as escolas sobre o brinquedo?

Para quem brinca com o hand spinner ele pode até relaxar, mas nas escolas o brinquedo tem virado motivo de stress e discussão entre educadores. Em sala de aula o brinquedo acaba por desconcentrar os alunos que ficam durante a aula, “hipnotizados” pelo equipamento, apenas aguardando o momento dele parar de girar. Em muitas escolas os spineers foram proibidos durante a aula, e se são pegos são confiscados pelos professores, o que você acha sobre isso?